quinta-feira, 16 de junho de 2016

3 atitude suas que estão detonando a sua saúde emocional



"Há campanha contra o fumo, obesidade, para o controle da pressão arterial, do sedentarismo, em prol da alimentação saudável. Entretanto, como controlar a parte emocional? Imagino que, com o tempo, a influência das emoções será um fator preponderante de causa da doença, os demais aspectos já vem sendo controlados”, esclarece o cardiologista, autor do livro “Coração...É Emoção” (Ed. Atheneu)."


Fonte: http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2011/03/01/medicos-precisam-se-dedicar-ao-diagnostico-das-emocoes-diz-cardiologista.htm


No meu texto em parceria com o Não Sou Exposição eu falei mais sobre saúde emocional então não deixem de dar uma lida.  Vou colocar o link aqui quando estiver no ar okay?
(update: está no ar!!! aqui o link:
https://naosouexposicao.wordpress.com/2016/06/16/e-o-seu-coracao-esta-saudavel/)

Basicamente a nossa saúde emocional é tão importante quanto a nossa saúde física! Mas no geral nós negligenciamos demais esse aspecto e acabamos adoecendo, cultivando mais emoções negativas ou insistindo nelas o que acaba atrapalhando que a gente viva com qualidade.
Okay, você pode estar pensando que não sabe como fazer pra melhorar sua saúde emocional ou o que você está fazendo que está  gerando um efeito negativo.  Sendo assim vou falar de 3 atitudes que você pode estar colocando em prática sem nem perceber.

1.Reclamar

Falar uma vez sobre um problema ou algo que te incomoda é super válido e pode até fazer bem.
O problema é quando você fala de novo... e de novo, e de novo.
Se você falou mais de uma vez, já virou uma reclamação.
Pense assim:
É algo que eu posso mudar? Então ou eu mudo ou paro de reclamar.
É algo que o outro tem que mudar? Então não há nada que você possa fazer pois a escolha é dele.
Adianta reclamar? Na maioria das vezes, 99%, NÃO.

No geral reclamar nos faz mal porque focamos no negativo e faz parecer que a situação é muito pior do que é.  Quanto mais reclamamos então pior fica.
Sem contar que ninguém quer ter um reclamao por perto não é?  Isso afasta qualquer um e com isso você pode estar perdendo a oportunidade de fazer amigos.

2. Insistir no erro

Você escolheu algo e aquilo te fez mal. Tudo bem, isso acontece. É um processo saudável.
Você aprendeu com isso, espero e sabe que se escolher de novo muito provavelmente o resultado vai continuar sendo ruim.
Errar é útil e profundamente saudável pois nos ajuda a crescer em diversos sentidos.
Insistir no erro não faz bem.
Por exemplo, quando insistimos em querer mudar o outro.
Não adianta querer achar que o outro vai mudar porque não é assim que funciona. 
Ou quando fazemos algo pra nós que não é tão legal assim.
Quer um exemplo? Falar mal de si, fazer críticas constantes, falar mal de si mesma. Nada disso ajuda a sua auto estima, muito pelo contrário, então que tal caminhar e se permitir novos erros ou melhor dizendo, diferentes aprendizagens.

3.Focar no negativo
Essa é a mais clara, creio eu.
Mas vale lembrar que existem diversas formas de se focar no negativo e muitas delas podem acontecer sem que você note.
Como assim? Vou dar alguns exemplos: estar perto de alguém extremamente negativo, passar muito tempo vendo televisão e nas redes sociais, assistir noticiário, fazer fofoca, falar mal dos outros ou ouvir falar mal dos outros constantemente.
Todas essas atividades podem estar te induzindo a focar  no negativo sem você esteja percebendo. Então policie seus hábitos e veja se eles não estão te fazendo mais mal que bem.
Mude o foco!



Leituras que eu recomendo!

http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2011/03/01/emocoes-exercem-influencia-sobre-a-saude-especialmente-a-do-coracao.htm
http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2011/03/01/depressao-e-estresse-cronico-sao-venenos-para-o-organismo-dizem-especialistas.htm
http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2011/03/01/medicos-precisam-se-dedicar-ao-diagnostico-das-emocoes-diz-cardiologista.htm


0 comentários:

Postar um comentário

Popular

Tecnologia do Blogger.